10/07/12

Anvisa suspende a venda do suplemento alimentar OxyElite Pro

Produto possui DMAA, um estimulante que pode causar dependência e levar à morte


Frasco de OxyElite Pro

Da ANVISA

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu, nesta terça-feira, dia 10, a distribuição, divulgação, comércio e uso do suplemento alimentar OxyElite Pro. A medida é válida em todo país.

O produto, fabricado por empresa desconhecida, possui a substância dimethylamylamine (DMAA) na composição. O DMAA é um estimulante usado, principalmente, no auxílio ao emagrecimento, aumento do rendimento atlético e como droga de abuso.

Essa substância, que tem efeitos estimulantes sobre o sistema nervoso central, pode causar dependência, além de outros efeitos adversos, como insuficiência renal, falência do fígado e alterações cardíacas, e pode levar a morte. No Brasil, o comércio de suplementos alimentares com DMAA é proibido.

Na última terça-feira, dia 03, a Anvisa incluiu o DMAA na lista de substâncias proscritas no país, fato que impede a importação dos suplementos que contenham a substância, mesmo que por pessoa física e para consumo pessoal. Além do Oxielite Pro, o DMAA é encontrado na composição de suplementos alimentares, como Jack3D e Lipo-6 Black.

Nenhum comentário :

Postar um comentário