22/02/15

"Sou apaixonado por minha cor", diz Clelson Bomani, Mister Paraíba Nordeste 2015

Paraibano falou sobre preconceito sofrido após vencer concurso de beleza regional


Clelson Bomani, Mister Paraíba Nordeste 2015. Foto: Divulgação

Clelson Bomani, o Mister Paraíba Nordeste 2015, revelou que sofreu muito preconceito na infância por causa de sua cor. "Já sofri muito. No colégio era muito zoado por ser negro, magrelo, jogador de capoeira e ter cabelo afro", contou.

No ano passado, o paraibano de 21 anos, 1,77 m, e 71 kg reviveu a mesma situação após conquistar o título de beleza regional. Ele foi alvo de comentários racistas em uma rede social e o caso foi levado à Justiça.

Apesar das críticas, Clelson contou que se sentiu realizado por quebrar um padrão de beleza valorizado em muitos concursos.

"Muitos duvidaram de mim, mas consegui vencer e romper com aquele conceito de beleza européia que, para ser "bonito", tem que ser loiro e de olhos azuis. Sou apaixonado por minha cor e por minha raça", disse o Mister que exibe no corpo uma tatuagem com a inscrição "Tire o seu racismo do caminho, que eu quero passar com a minha cor".

Vítima de preconceito, Clelson Bomani carrega no corpo tatuagem com mensagem anti-racista Foto: Arquivo pessoal
Vítima de preconceito, Clelson Bomani carrega no corpo tatuagem com mensagem anti-racista
Foto: Arquivo pessoal

Nenhum comentário :

Postar um comentário